About Me

Minha foto
Gabriiel Carvalho
O cαrinhαα dα foto ;D • Gabriiel Carvalho • O prαzer é todo seu .õ/ 'Sintonize sua vibração não há tempo pra viver em vão e não pense mais em desistir, existe um mundo que só quer te ver sorrir. não chora, a nossa vida é feita mesmo para se aprender,e agora, é hora de tentar se libertar não vai doer, deixa e energia do som te levar, a vibe positiva solta pelo ar..' # e aí, sentiu a vibe?)' Gostou, né? =P
Visualizar meu perfil completo

Pages

Followers

sábado, 19 de março de 2011

Ressussite seus sonhos e ouça o som do avivamento!

Lição de Vida



Uma senhora idosa, elegante, bem vestida e penteada, estava de mudança para uma casa de repouso pois o marido com quem vivera 70 anos, havia morrido e ela ficara só...
Depois de esperar pacientemente por duas horas na sala de visitas, ela ainda deu um lindo sorriso quando uma atendente veio dizer que seu quarto estava pronto.
A caminho de sua nova morada, a atendente ia descrevendo o minúsculo quartinho, inclusive as cortinas de chintz florido que enfeitavam a janela.
- Ah, eu adoro essas cortinas - disse ela com o entusiasmo de uma garotinha que acabou de ganhar um filhote de cachorrinho.
- Mas a senhora ainda nem viu seu quarto...
- Nem preciso ver - respondeu ela. - Felicidade é algo que você decide por princípio.
- E eu já decidi que vou adorar!
É uma decisão que tomo todo dia quando acordo.
Sabe, eu tenho duas escolhas:
Posso passar o dia inteiro na cama contando as dificuldades que tenho em certas partes do meu corpo que não funcionam bem...
ou posso levantar da cama agradecendo pelas outras partes que ainda me obedecem.
Cada dia é um presente.
E enquanto meus olhos abrirem, vou focaliza-los no novo dia e também nas boas lembranças que eu guardei para esta época da vida.
A velhice é como uma conta bancária:
Você só retira daquilo que você guardou.
Portanto, lhe conselho depositar um monte de alegria e felicidade na sua Conta de Lembranças.
E como você vê, eu ainda continuo depositando.


Agora, se me permite, gostaria de lhe dar uma receita.
1- Jogue fora todos os números não essenciais para sua sobrevivência.
2- Continue aprendendo. Aprenda mais sobre computador, artesanato, jardinagem, qualquer coisa. Não deixe seu cérebro desocupado.
3- Curta coisas simples.
4- Ria sempre, muito e alto. Ria até perder o fôlego.
5- Lágrimas acontecem. Agüente, sofra e siga em frente. A única pessoa que acompanha você a vida toda é VOCÊ mesmo. Esteja VIVO, enquanto você viver.
6- Esteja sempre rodeado daquilo que você gosta: pode ser família, animais , lembranças, música, plantas, um hobby, o que for. Seu lar é o seu refúgio.
7- Aproveite sua saúde. Se for boa, preserve-a. Se está instável, melhore-a. Se está abaixo desse nível, peça ajuda.
8- Diga a quem você ama, que você realmente o ama, em todas as oportunidades.

E LEMBRE-SE SEMPRE QUE:

A vida não é medida pelo número de vezes que você respirou, mas pelos momentos em que você perdeu o fôlego ...

de tanto rir ...

de surpresa ...

de êxtase ...

de felicidade!
quarta-feira, 9 de março de 2011

A sábia edifica, a tola destrói


A mulher prudente, sensata e que é sábia age de tal forma que constrói relacionamentos e que sua vida e suas atitudes edificam, contribuindo positivamente para a sustentação de seu casamento, namoro ou qualquer relacionamento e para a solidez de sua casa.
  A mulher sábia traz para sua casa:
- submissão (aceita, submete-se)
- felicidade
- prosperidade para a família
- paz, ao fazer do seu lar um pedacinho do céu
- decisões sábias no relacionamento com o marido, com os filhos, com os parentes e com as demais pessoas a sua volta;
- domínio próprio. 
Enfim, se a mulher sábia edifica sua casa, tudo o que ela faz é com o propósito de construir, nunca de destruir. Sabemos que uma boa construção leva tempo, é preciso assentar os tijolos um a um, até que a casa fique sólida e firme. Não é verdade? Assim para edificarmos nossa casa precisamos permanecer na presença do Senhor, buscando crescer em sabedoria e nos tornarmos mais sábias e edificantes. Mas há a parte B do versículo que me parece não ser muito considerada entre as mulheres, inclusive não é muito presente nas mensagens pastorais: A mulher insensata (a tola) com as próprias mãos a derruba (a destrói). O mesmo dicionário que expõe o significado de sabedoria ensina que insensatez é a falta de senso ou razão, loucura, insanidade. Portanto, a mulher insensata, por ser tola e insana, somente destrói com suas atitudes, nada edificantes.
A mulher insensata traz para sua casa:
- confusão constante;
- destruição de bens e em relacionamentos;
- contendas, pois fala sem pensar;
- discórdia, pois tem prazer em ofender alguém;
- temperamento explosivo;
- variação de humor;
- insubmissão;
- infelicidade e desarmonia entre os cônjuges e filhos, pois não respeita ou não se faz respeitar.


Para que seja construído, edificado e que possa ser exemplo nos relacionamentos,as mulheres precisam ser sábias, caso contrário, tudo será destruído. Como mulheres de Deus, elas não podem destruir, antes devem construir relacionamentos solidários e eternos, através de um espírito de excelência que elas possuem. Toda mulher de Deus precisa ser sábia e, assim, edificar sua casa, mas antes, é necessário submeter-se à vontade Dele, colocando-se disponível para a atuação do Espírito Santo, que intercede por nós, e que nos convence do pecado, da justiça e do juízo ( 16.8-11).


 Assim como um olheiro edifica um vaso, a mulher deve edificar sua casa!



Esta música deve ser espelho para todas as mulheres nesse mundo.

Casa De Benção - Eyshila

Minha casa será uma casa de benção
Minha casa será um pedaço do céu
Nela, estarão reunidos adoradores
Que só exaltam ao Deus verdadeiro e fiel
Minha casa será reconhecida
Como um lugar de milagres e oração
Onde Jesus tem prazer em ficar
Onde o Espírito Santo habita
Onde há prosperidade, amor e vida
Faça do meu lar, Senhor
Um lugar de harmonia
Faça do meu coração
Tua casa todo dia
Esteja à vontade pra ficar
E nunca mais partir
Pois a casa que um dia te recebeu
Nunca mais saberá viver sem ti

terça-feira, 8 de março de 2011

Sem entrega, o relacionamento fica DESIGUAL!!!!

 


 Num relacionamento sério, é preciso comprometimento, entrega. Ambas as partes devem estar dispostas a se entregarem de corpo e alma, a coisa não pode pender pra um lado apenas, tem de haver equilíbrio.
Pessoas individualistas e egoístas tem a pré-disposição para destruírem uma relação que poderia ser duradoura. Sem entrega, a outra parte tem de sacrificar seu amor.
SEM ENTREGA, NÃO EXISTE UM CASAL E SIM DUAS PESSOAS UMA DO LADO DA OUTRA.. E SÓ.


Extraído do blog http://oblogprohomem.blogspot.com/ de Alex Costa
segunda-feira, 7 de março de 2011

Corte, um relacionamento santo



Corte é o relacionamento santo entre homem e mulher adultos com o fim de casamento. É a inexistência completa de qualquer contato físico que leve à impureza. "Que cada um de vós saiba possuir o seu vaso em santificação e honra; Não na paixão da concupiscência, como os gentios, que não conhecem a Deus" (1Ts 4:4-5). “Segui a paz com todos e a santificação, sem a qual ninguém verá a Deus” (Hb 12.14)

É uma amizade comprometida com um futuro casamento debaixo da bênção, acompanhamento e permissão de Deus, dos líderes espirituais e dos pais do casal.

Enquanto não chega-se a fase adulta e não há o casamento, deve-se estar separando-se, santificando-se para Deus, individualmente; buscando uma maior intimidade com Ele.  "Foge também das paixões da mocidade; e segue a justiça, a fé, o amor, e a paz com os que, com um coração puro, invocam o Senhor" (2Tm 2:22).

Reconheço a corte como uma vereda antiga. "Vede e perguntai pelas veredas antigas, qual é o bom caminho. Andai por ele e achareis descanso para as vossas almas" (Jr 6:16). Outrora, usava-se a corte, e, ao longo dos anos, por uma investida do inimigo, esta foi sendo deturpada até se transformar, ao século XX, no namoro conhecido nos dias atuais.

Acredito na corte como um caminho que acha graça ao olhos de Deus, porque é uma forma de guardarmos nosso corpo em santificação e honra. E de seguirmos a forma correta de relacionamento, que seria a seguinte: a corte como um período de tempo e não como um estágio de relacionamento; tempo para que os pais e os líderes abençoem o casal e depois disto se prepare o noivado, logo seguido do casamento. 

Isto porque subtende-se que você tenha orado a Deus por alguém que você conheça, porque não é inteligente que você ore pedindo bênção e confirmação para casar com alguém que você não conheça a índole, daí não ser a corte uma fase de um relacioamento para se conhecer alguém.

Se você faz parte de uma igreja que professa a corte como relacionamento de Deus, entre homens e mulheres, e, ainda assim, namora, você está cometendo o pecado de transgressão, pois a Palavra de Deus deixa bem claro que você deve obediência e honra a seus líderes e sujeição às autoridades, visto que toda autoridade é dada por Deus (Hb13:17 e Rm 13:1).

E sendo nós conhecedores da verdade, sabemos que o salário do pecado é a morte, posto que todo aquele que pecar contra Deus será riscado do livro da vida. (Rm 6:23 e Ex 32:33).
 
Extraído : http://marciarodrigs.blogspot.com/

Internet pode acabar com um relacionamento?


Com a difusão de conexões cada vez mais rápidas para acesso à Internet, os usuários estão ainda mais assíduos e o mundo virtual fica mais atraente a cada dia. Em ambientes de trabalho os funcionários se comunicam por mensagens instantâneas, pessoas de todo o mundo jogam videogame juntas, parentes que não se vêem há anos retomam contato via email, amigos de colégio marcam encontros em grupos de discussão e, claro, casais se formam a partir do contato online – mas outros casais se separam também, por causa das chamadas “traições virtuais”.
A facilidade que um indivíduo tem de encontrar alguém e engatar um relacionamento pode ser bastante prejudicial para um namoro ou um casamento. Das inúmeras possibilidades que a Internet oferece, entre salas de bate-papo, Orkut, MSN, email, uma delas é a chance de você ser quem quiser, falar o que desejar, incorporar um personagem e ter uma vida paralela. Prova disso é o fenômeno Second Life (“segunda vida”, em tradução livre para o Português), no qual é possível criar um boneco e circular por diversos cenários (alguns imitando lugares reais) conhecendo pessoas, conversando com elas e até mesmo gastando dinheiro com casa, mobília, ações e eventos patrocinados. “O anonimato e a interatividade é a grande parceria do mundo digital”, explica Thiago de Almeida, psicólogo especialista em relacionamentos amorosos e pesquisador da Universidade de São Paulo.
No entanto, não é possível chamar a Internet de “destruidora de lares” ou acusá-la de ser o motivo de um relacionamento fracassado. “Muitos pesquisadores concordam que a Internet não pode ser responsabilizada pela separação dos casais. Estas uniões certamente já não caminhavam bem e ela foi apenas um meio que facilitou a rápida comunicação entre as pessoas”, ressalta Almeida. “Estes indivíduos normalmente já estavam procurando experiências em outros locais, com ou sem sucesso.”

Conversas inocentes
Às vezes, a pessoa não procura um novo parceiro, apenas alguém para conversar, um amigo. “Para muitas pessoas, o mundo virtual é a porta de entrada para um mundo de oportunidades e possibilidades, onde há tanto a possibilidade para se fazer amigos, de localizar pessoas, de arranjar um encontro para ir ao cinema, ou até mesmo para encontrar parceiros para sexo casual”, enumera o psicólogo. O perigo está na intimidade que se adquire com a pessoa do outro lado do computador, mesmo sem a presença física dela.
Fabiana*, 25 anos, namora há cinco anos mas a relação quase foi abalada devido a uma amizade pela Internet. “No começo do namoro, eu costumava ficar horas nas salas de bate-papo porque já estava acostumada com essa rotina. Gosto de trocar idéias, mas nunca quis me aventurar no cybersexo ou em um affair”, conta. No entanto, uma dessas amizades começou a ir mais longe e o namorado reclamou. “Ele achava ruim porque esse amigo começou a fazer parte da minha vida, me mandava presente, me ligava para conversar como se fosse um velho conhecido. Mas não era um velho conhecido, tínhamos nos conhecido há poucos meses”. No final, Fabiana acabou se afastando da Internet e das amizades virtuais para não prejudicar seu relacionamento com o namorado.
Almeida conta que são muitos os cônjuges preocupados com o adultério virtual. Essa preocupação pode levar a um estado de vigília que pode ser prejudicial mesmo se a traição não for consumada. Foi o que descobriu Camila*, 24 anos, após vasculhar o histórico de conversas do MSN do seu namorado. Como ele usava o mundo virtual para conhecer garotas antes de namorar com ela, Camila acabou lendo diálogos que gostaria de não ter visto, com insinuações sexuais de ambas as partes. “Aprendi que quem procura, acha”, diz. Nessa situação, Thiago de Almeida acredita que “cada caso deve ser analisado com parcimônia para saber se coloca em risco a situação do casamento ou namoro.” No exemplo de Camila, como a conversa havia acontecido há mais de um ano e seu namorado há tempos não demonstrava nenhum sinal de amizades virtuais, eles conversaram e a relação continua bem.
Sorte semelhante não teve Carolina*, 30 anos. Há um ano e meio seu marido conheceu uma mulher na Internet e largou tanto ela quanto os dois filhos do casal. “Na verdade, a outra mulher tentou convencê-lo a levar as crianças porque tinha mais condições financeiras de cuidar delas, mas eu não deixei”, relembra. Após três meses e 12 quilos mais magra, ela decidiu tentar voltar a uma vida normal com os filhos. “Eles são tudo pra mim, são o que tenho de mais precioso”, desabafa.
E é preciso muito cuidado no tipo de relação que se estabelece na Internet, porque o romance pode ser virtual mas, se for descoberto ou assumido, como no caso do ex-marido de Carolina, os impactos recaem na vida das pessoas de carne e osso – e quem sofre as conseqüências não são somente o traído e o traidor, mas até mesmo filhos e demais familiares.
Perigos e estímulos
Situações como essas não são difíceis de acontecer. O especialista em relacionamentos amorosos explica que as pessoas têm inclinação a evitar contatos que possam causar futuras frustrações e tendem, então, a idealizar o “outro”. Dessa forma, depositam essas expectativas no interlocutor do bate-papo virtual que pode, afinal de contas, ser qualquer um que se desejar. “Partilhar experiências e fantasias sexuais no espaço virtual pode ser mais excitante e provocar uma sensação de intimidade maior do que ter uma relação sexual em casa com os nossos parceiros do cotidiano”, comenta.
É comum também, no Brasil, usuários do site de relacionamentos Orkut cometerem o chamado “orkuticídio”, ou seja, apagarem seus perfis da rede a pedidos do parceiro. É o caso de centenas de internautas, entre eles Tatiana*, 25 anos. A garota mal começou a namorar e logo seus amigos perceberam que o seu perfil não existia mais. “Quando me perguntam a razão de eu ter feito isso, respondo que queria evitar conflitos, apesar de pouco usar o serviço do Orkut”, argumenta. Ela é uma dentre muitas pessoas que acreditam que a Internet acaba com a privacidade do casal, como Regina*, 24 anos. “As pessoas tinham preconceito por eu namorar alguém de raça diferente da minha, e até mesmo meus parentes começaram a deixar recados ofensivos na minha página. Tive que apagar tudo e me desligar da rede”, conta.
Mas ao mesmo tempo em que o mundo digital pode apresentar-se como ameaça a relacionamentos, ele também aproxima as pessoas. Especialmente pessoas tímidas, que conseguem uma via para expressar seus pensamentos e terem conversas agradáveis, já que podem se expor sem de fato se identificar. Maurício*, 21 anos, gostou da experiência de namorar alguém que conheceu pela web. “No começo rolou uma timidez, mas depois relaxamos”, relata. “Foi a primeira vez que namorei alguém que conheci primeiro na net, ficamos seis meses juntos. Valeu a experiência”, alegra-se.
 Bom, essa na verdade é uma questão muito complexa, que vai depender de vários fatores, em especial o relacionamento que o casal tem entre si, a forma como o que vêem as coisas e também outros quesitos básicos.
Em um relacionamento, a primeira coisa que é necessário que haja é a fidelidade, em seguida o a confiança e o companheirismo. A internet pode ajudar como também pode atrapalhar, quando não usada de forma correta.
Geralmente o que acaba acontecendo é o ciúmes excessivo, que pode acabar sim com o relacionamento. As maiores queixas dos casais são com os sites de relacionamentos como, por exemplo: Orkut, Twitter, MSN entre outros.
O parceiro muitas vezes acaba dando mais atenção para o mundo virtual do que para o namoro, o que vai desgastando bastante o relacionamento. A pessoa fica frustrada, com medo do de que seja traída.
De fato, quem não usa essa fonte de informações rápidas acaba ficando desatualizado, porém não é preciso fazer “de tudo”. Procure passar mais segurança para a pessoa que está do seu lado, seja fiel, pois assim não vai estragar o relacionamento, ao não ser que queira.
Procure ser equilibrado, todo casal deve saber a hora de ceder, para que haja antes de tudo uma amizade, que vai partir para a confiança. É bom ter cuidado com o que você faz na net. Ela pode ser usada para inúmeros benefícios. Então não faça com que isso acabe. Não deixe o relacionamento acabar, se você gostar realmente da pessoa.
domingo, 6 de março de 2011

Que amor "babaca"

Quer conhecer o amor de Deus ? Esvazia tua mente do que acha que é amor !!!




“Aquele que não ama não conhece a Deus; porque Deus é amor.” (1 João 4:8)
Como conseguimos fazer o “amor” parecer tão babaca!Vamos olhar a raiz desse mal e analisar como a mentira aliada com a sensualidade e com nossos lábios tem feito feder um lixo que a humanidade colocou o nome de “amor”, o lixo já esta fedendo e esta aberto, uma lata de lixo gigante posta diante dos nossos olhos e pintada, coloria e escrita sobre o real nome dela “amor”(o nome real desse lixo é paixão).Provavelmente eu vou escrever mais sobre isso,porque esse assunto me da uma coceira irritante e preciso mais que compartilhar, mas mostrar uma verdade que esta de baixo do nosso nariz e não vemos.Portanto se considerar essas palavras como um tapa na cara pra acordar, de um tapa na cara dos seus amigos e pessoas que ama com essas palavras, amor não é sorrir o tempo todo,o sorriso é a conseqüência de uma instrução que pode doer e até machucar agora, é melhor dar um tapa na cara com essas palavras do que sorrir quando ta tudo errado e deixar a pessoa perder a cabeça, é melhor ralar o joelho do que esfolar a perna, evite marcas.É mais sério que imaginamos, porque buscamos um amor que não existe e um dos motivos é não termos referencia ou olharmos as referencias erradas. O verdadeiro amor serve,o maior símbolo do amor,Jesus Cristo com toda sua glória serviu ,serviu e serviu.Meu camarada, quem não ama não conhece a Deus, quer coisa pior?As conseqüências disso te assustariam.
As pessoas não querem amar, elas querem controlar,ser donas umas das outras.
Quando você tem referencia do que é de fato amor, aquilo que você achava que era amar muda e você descobre quanta mentira você disse e mais do que mentir para os outros,mentir pra si mesmo ,iludir a si próprio,de tal forma que chegou a sofrer porque acreditou que o que sentia realmente era amor,o amor sofre sim,mas é mais pelo outro do que por si próprio,pois o amor servi e não é servido.Com o tempo você descobre que tudo o que você amava eram seus próprios sentimentos e não digo nem amar,nós idolatramos nossos sentimentos,e mentimos pra nós mesmos dizendo que amamos pessoas,a prova real disso é que quando você termina relacionamentos você sofre,mas não porque a pessoa foi embora,mas porque você idolatrava o que ela te fazia sentir e isso fica mais claro quando encontra outra pessoa que te faça sentir as mesmas emoções fúteis e superficiais e você simplesmente vê que nunca amou aquela pessoa,mas o que ela te fazia sentir.Que “amor” babaca, cheio de condições, para de conjugar amor no passado, para de olhar pra referencias deste mundo, para por gentileza que isso já ta ficando um lixo, diga um estou com raiva sincero, mas não diga um eu te amo falso e para de mentir pra si mesmo. Eu te amo devia ser algo que dói muito a língua dizer quem sabe assim não seria uma frase tão vomitada.O ideal seria que todos amassem uns aos outros e isso só é possível através de Cristo,semana que vem estarei escrevendo mais sobre isso, se você ta incomodado até agora com o fato de ter escrito “babaca” no título procura outra palavra pra descrever uma destruição tão grande como essa.
                                   Texto extraído do blog http://caretassos.blogspot.com/ de Davi F.M.
quarta-feira, 2 de março de 2011

Tempo e Silêncio! Os melhores remédios!

O tempo é a melhor saída para os problemas que parecem intransponíveis;
O silêncio faz quedar a mente e organiza o caos;
O tempo e o Silêncio são sábios, não ha nada que o tempo não cure ou não faça minimizar um sofrimento.

O Silêncio é a mais poderosa das respostas.

É difícil pedir perdão? ...

Mas quem disse que é fácil perdoar?

Será que somos realmente capazes de perdoar?
E por que necessitamos do perdão de alguém?
Quais os benefícios do perdão?
De acordo com o Dicionário Aurélio, perdoar significa desculpar, absolver, remitir de pena ou culpa. Biblicamente, o perdão é um mandamento aos filhos de Deus.
Na oração registrada em Mateus 6, Jesus aponta algumas áreas da vida com as quais devemos nos preocupar. Uma delas é o perdão. “Perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores”, Mt 6.12. Porém, o Senhor é ainda mais enfático quando, no versículo 15, Ele diz: “Se, porém, não perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai vos não perdoará as vossas ofensas”.
O perdão para as nossas faltas está condicionado a disposição de perdoar. Exercitá-lo não é uma prática fácil e nem todo mundo quer fazê-lo.

"Perdoar
é muito mais que estender a mão
é dizer eu te perdoo meu irmão
usar a voz é fácil apertar a mão também
o dificil é revelar o coração
mas se o coração perdoa é fácil perceber
pois o coração é fruto de um olhar
perdão que sai do coração
é joia rara de encontrar
e está na sinceridade de um olhar

Se eu te machuquei, reconheço que errei
Só agora percebi quanto mal eu te causei
como vou falar de amor se eu não souber amar
eu preciso de você para me ensinar
eu me arrependi e revelei meu coração
agora é sua vez de me ensinar uma lição
preciso de você pra conhecer a dor ou conhecer a força do perdão.
(Sérgio Lopes)

Se tens o dom maior de Deus que é PERDOAR, e se sabes perdoar o teu próximo assim como Cristo um dia nos perdoou, entre sem mágoas e ressentimento.

- Porque, se perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai celeste vos perdoará (Mt 6.14)"

Nem tudo é facil.

É difícil fazer alguém feliz, assim como é fácil fazer triste.
É difícil dizer eu te amo, assim como é fácil não dizer nada
É difícil valorizar um amor, assim como é fácil perdê-lo para sempre.
É difícil agradecer pelo dia de hoje, assim como é fácil viver mais um dia.
É difícil enxergar o que a vida traz de bom, assim como é fácil fechar os olhos e atravessar a rua.
É difícil se convencer de que se é feliz, assim como é fácil achar que sempre falta algo.
É difícil fazer alguém sorrir, assim como é fácil fazer chorar.
É difícil colocar-se no lugar de alguém, assim como é fácil olhar para o próprio umbigo.
Se você errou, peça desculpas...
É difícil pedir perdão? Mas quem disse que é fácil ser perdoado?
Se alguém errou com você, perdoa-o...
É difícil perdoar? Mas quem disse que é fácil se arrepender?
Se você sente algo, diga...
É difícil se abrir? Mas quem disse que é fácil encontrar
alguém que queira escutar?
Se alguém reclama de você, ouça...
É difícil ouvir certas coisas? Mas quem disse que é fácil ouvir você?
Se alguém te ama, ame-o...
É difícil entregar-se? Mas quem disse que é fácil ser feliz?
Nem tudo é fácil na vida...Mas, com certeza, nada é impossível
Precisamos acreditar, ter fé e lutar
para que não apenas sonhemos, Mas também tornemos todos esses desejos,
realidade!

Contador de visitas

Contador de visitas